segunda-feira, fevereiro 13, 2006

Um pedaço de mim...

Quem me conhece sabe que já algum tempo que ando ficcionada, no facto de querer vir a ter 40 anos (o que na realidade ainda me faltam alguns anos), pois acredito plenamente e com a realidade que assisto diariamente que a mulher a partir dos 40 atinge a sua plenitude quer a nível pessoal, quer a nível psicológico, quer a qualquer nível, e como tal estabeleci para mim própria que a minha realização total passaria pela idade dos 40.
Isto tudo para vos dizer que li algures as seguintes palavras e que mais uma vez me vieram dar razão:

"Mulher de 40, é um olhar de quem sabe um pouco da vida, conhece o amor, é quem reconhece uma dor. É uma mulher que sabe o que quer..."
Bjocas

3 comentários:

Å®t_Øf_£övë disse...

Tem lá calma rapariga. Tens muito tempo para lá chegar. Até lá aproveita para alimentar essa ideia de que aos 40 é que vais atingir a plenitude, e vai aproveitando a vida.
Beijinhos.

Lis57 disse...

Posso dizer-te que a idade que mais gostei de fazer foram precisamente os 40 anos.
Senti-me verdadeiramente mulher, e uma enorme vontade de viver a vida.
É a melhor idade para uma mulher.
Já não temos a impulvidade e intolerancia da juventude,e já aprendemos algo com o nosso passado que nos dá grande confiança para o futuro.

Quando fizeres 40 anos vive intensamente a ternura dos 40.

Boa semana

Lis57 disse...

Olá

Dexei-te um desafio no meu blogue, espero que participes.
Beijo